Cotidiano, News

Coruja processa borboleta por uso indevido de imagem

Processo inusitado corre na 6ª Vara de Justiça Animal

Borboleta Coruja do gênero Caligo

Borboleta Coruja do gênero Caligo

Um processo inusitado foi aberto nesta quarta feira por uma Coruja contra uma borboleta do gênero Caligo.

No processo a coruja afirma que a Borboleta está usando indevidamente a imagem das Corujas para benefício próprio sem autorização.

O advogado da Coruja, Sr. Chipâncelso, nos contou detalhes do processo, “estas borboletas se aproveitam da aparência da nossa cliente para se dar bem! Nunca foi autorizado tal coisa! O processo de uso indevido de imagem já está correndo e queremos retratação!

Defesa afirma que são as corujas que copiam as borboletas

O advogado de defesa da Borboleta, que não quis ter o nome divulgado, informou a imprensa, “esse processo é um grande equívoco! Não se trata de uso indevido! Se trata de evolução, adaptação e sobrevivência! As borboletas desta espécie já nascem assim! Acredito que são as corujas que imitam estas borboletas!

A matéria continua logo abaixo do anúncio...


Processo sem definição

A equipe do Gazeta da Floresta consultou o especialista em Direito Animal, Mario Mota, a Marmota, “é um processo muito complexo, pois de um lado temos milhões de anos de evolução em camuflagem contra milhões de anos de evolução das aves de rapina, esse processo vai ser arrastar por muitos anos ainda.

coruja desconfiada de todo o processo

coruja desconfiada de todo o processo

Gostou? Compartilhe:

Comentários